Ações/Componentes

As ações estão divididas em 5 componentes

Componente I - AVALIAÇÃO DAS CONDIÇÕES DE SAÚDE DAS CRIANÇAS, ADOLESCENTES E JOVENS QUE ESTÃO NA ESCOLA PÚBLICA;

  • Avaliação Nutricional
  • Avaliação da Saúde Bucal
  • Avaliação oftalmológica
  • Avaliação auditiva
  • Atualização Caderneta da Criança e
  • Detecção precoce da hipertensão arterial sistêmica
  • Avaliação Clínica e Psicossocial

Componente II -  AÇÕES DE PROMOÇÃO DA SAÚDE E DE ATIVIDADES DE PREVENÇÃO

A escola é um espaço social importante para a constrição de uma sociedade democrática. Logo, as crianças, adolescentes e jovens devem participar das decisões que ocorrem no cotidiano da escola, como por exemplo, na elaboração de um plano de ação em saúde, que pode ser incluído no projeto político-pedagógico das escolas.

  • Ações de Segurança Alimentar e Promoção da Alimentação Saudável
  • Promoção das Práticas Corporais e Atividade Física nas Escolas
  • Educação para a Saúde Sexual, Saúde Reprodutiva e Prevenção das DST/AIDS (Saúde e Prevenção nas Escolas)
  • Prevenção ao Uso de Álcool, Tabaco e Outras Drogas
  • Promoção da Cultura de Paz e Prevenção das Violências

Componente III - EDUCAÇÃO PERMANENTE E CAPACITAÇÃO DOS PROFISSIONAIS DA EDUCAÇÃO E DA SAÚDE E DE JOVENS

Neste componente está prevista a realização de educação permanente de jovens para promoção da saúde e educação permanente e capacitação de profissionais da educação nos temas da saúde e constituição das equipes de saúde que atuarão nos territórios do PSE. O projeto de formação permanente tem sido elaborado a partir de três eixos: gestão da formação, operacionalização e organização dos diferentes formatos de formação.

  • Educação permanente e capacitação de profissionais da educação nos temas da saúde e constituição das equipes de saúde que atuarão nos Territórios do Programa Saúde na Escola;
  • Realização de educação permanente de Jovens para Promoção da Saúde.

Componente IV - MONITORAMENTO E AVALIAÇÃO DA SAÚDE DOS ESTUDANTES

O monitoramento e avaliação da saúde dos estudantes são fundamentais para o direcionamento das ações de saúde e educação. Com os resultados do monitoramento é possível a reorganização das ações e atividades com foco maior nas necessidades reais dos estudantes, adequando ações de promoção, proteção e recuperação da saúde, além de orientar o redirecionamento de investimentos e projetos. Para isso, é necessário realizar periodicamente inquéritos.

  • Estudos para Monitoramento e Avaliação da Situação de Saúde dos Estudantes;
  • Pesquisa Nacional de Saúde do Escolar (PeNSE);
  • Encarte Saúde no Censo Escolar (INEP/MEC);
  • Sistema de Monitoramento do Projeto Saúde e Prevenção nas Escolas;
  • Pesquisa Nacional do Perfil Nutricional e Consumo Alimentar dos Escolares).

Componente V - MONITORAMENTO E AVALIAÇÃO DO PROGRAMA.

A ser realizado por meio de coleta de informações diretamente com as equipes, através de um formulário específico, que será disponibilizado periodicamente para preenchimento.

Outro processo desse monitoramento se dá através do sistema SIMEC/PSE, que é direcionado para as ações realizadas nas escolas, desenvolvido pelo Ministério da Educação.

Foi instituída a comissão Intersetorial de Educação e saúde na escola – CIESE para acompanhamento do programa e da temática de educação e saúde nas políticas intersetoriais.

logojsp

 Sexualidade